Utilizamos cookies para melhorar sua experiência. Ao clicar em ACEITAR, você concorda com nossa Política de Privacidade.

Manifestação. Revelia. Pensão por morte. Família | Adv.Mariana

MM

Mariana Rezek Moruzzi

Advogado Especialista

17 Visualizações

Resumo

Petição

 

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DE DIREITO DA VARA___ DA FAMÍLIA E SUCESSÕES DA COMARCA DE CIDADEUF

 

 

 

 

 

Processo nº Número do Processo

 

 

 

 

 

Nome Completo, por sua advogada in fine assinada, nos autos do processo em epígrafe, que move em face deNome Completo, vem respeitosamente perante Vossa Excelência, em atendimento ao r. Despacho de fls. 173, dentro do prazo legal. Manifestar e requerer o que segue:

 

DA REVELIA:

 

O réu foi devidamente citado por Oficial de Justiça a fls. 118.

 

É certo que o réu está representado por advogado, conforme instrumento de mandato a fls. 124.

 

Inclusive patrono e réu participaram da audiência de conciliação ocorrida no dia 09/11/2020, às 11:00, conforme fls. 149.

 

Em que pese as publicações de fls. 170 e 171, o réu quedou-se inerte e não apresentou contestação, tendo a serventia certificado a falta de contestação em 09 de fevereiro de 2021 a fls. 172.  

 

Desta maneira, requer seja aplicada a Revelia, conforme prevê o artigo 344 do CPC, presumindo-se como verdadeiras as alegações de fato formuladas pela autora.

 

Importante ressaltar que a autora, diferente do genitor, fez prova da sua necessidade de ajuda de custo para terminar sua faculdade e pagar seus gastos diários.

 

O que foi solicitado nesta demanda não foi que o genitor arcasse diretamente com esta ajuda à sua filha, mas sim manter o que já ocorria, pagamento de pensão por morte da mãe da genitora, sendo metade para o viúvo e metade para sua filha, até completar seus estudos.

 

A autora foi prejudicada com um ano de coronavírus onde os processos foram paralisados por meses e, em sequencia, andaram em passos lentos, tendo em vista que até o momento não chegou a uma resolução.

 

Por conta do ano passado, a autora corre o risco de carregar dependência em matérias, por não conseguir ao mesmo tempo trabalhar e fazer os estágios obrigatórios.

 

Assim, requer seja julgado procedente o pedido inicial, descontando 50% (cinquenta por cento) da pensão por morte da mão da genitora do INSS, até a autora concluir seus estudos.

 

Desta maneira, requer seja a demanda julgada antecipadamente, julgando-a totalmente PROCEDENTE, conforme artigo 355, II do CPC.

 

DA REITERAÇÃO DA PETIÇÃO DE FLS. 150/168:

 

Conforme informado na exordial, a autora recebia metade da pensão por morte de sua genitora, valor este …

Manifestação

Revelia

PENSÃO POR MORTE