Utilizamos cookies para melhorar sua experiência. Ao clicar em ACEITAR, você concorda com nossa Política de Privacidade.

Direito Processual Civil

Atualizado 30/01/2024

Ação de Oposição

Carlos Stoever

2 min. de leitura

Compartilhe:

A ação de oposição é um processo judicial utilizado quando o autor (da ação de oposição) pleiteia o mesmo bem ou direito em discussão em determinado processo.

Qual a previsão legal da Ação de Oposição?

A ação de oposição está prevista nos Arts. 682 ss. do Código de Processo Civil:

Art. 682. Quem pretender, no todo ou em parte, a coisa ou o direito sobre que controvertem autor e réu poderá, até ser proferida a sentença, oferecer oposição contra ambos.

Art. 683. O opoente deduzirá o pedido em observação aos requisitos exigidos para propositura da ação.

Parágrafo único. Distribuída a oposição por dependência, serão os opostos citados, na pessoa de seus respectivos advogados, para contestar o pedido no prazo comum de 15 (quinze) dias.

Art. 684. Se um dos opostos reconhecer a procedência do pedido, contra o outro prosseguirá o opoente.

Art. 685. Admitido o processamento, a oposição será apensada aos autos e tramitará simultaneamente à ação originária, sendo ambas julgadas pela mesma sentença.

Parágrafo único. Se a oposição for proposta após o início da audiência de instrução, o juiz suspenderá o curso do processo ao fim da produção das provas, salvo se concluir que a unidade da instrução atende melhor ao princípio da duração razoável do processo.

Art. 686. Cabendo ao juiz decidir simultaneamente a ação originária e a oposição, desta conhecerá em primeiro lugar.

Qual a diferença entre ação de oposição e embargos de terceiro?

Em 20 anos de advocacia, fazemos o alerta de que a ação de oposição não pode ser confundida com embargos de terceiros.

Nos embargos de terceiro, a posse/propriedade/direito de terceiro está sendo afetado por um processo judicial.

Já na ação de oposição, o terceiro não detém o direito/posse/propriedade, mas tem interesse na obtenção para si do direito/bem em disputa entre as partes.

É impotante saber que a ação de oposição irá tramitar em dependência ao processo principal.

Qual o prazo para ingressar com a ação de oposição?

A ação de oposição não possui prazo para ingresso.

Porém, se a ação de oposição for proposta antes da audiência de instrução, seu processamento será em conjunto com o processo principal.

Se for proposta após a audiência de instrução, será determinada a suspensão do processo principal até que a tramitação da ação de oposição avance para o mesmo estágio processual.

Atenção: não confundir com o CPC/73, que tinha como marco a prolação da sentença. Agora, no CPC/15, o marco temporal é a audiência de instrução. 

Quais os requisitos da ação de oposição?

Os requisitos da ação de oposição são os mesmos dos demais processos cíveis:

  • Legitimidade ativa/passiva;
  • Causa de pedir;
  • Pedidos.

Além, claro, de questões de competência, valor da causa, etc.

Nossa experiência na advocacia permite dizer que na petição inicial da ação de oposição é necessário incluir um tópico deixando claro o direito/bem que está sendo pleiteado pelo opositor – de forma a não gerar sua extinção sumária.

Quais os temas mais comuns nas ações de oposição?

Os temas mais comuns nas ações de oposição são os seguintes:

  • Propriedade e Posse: Muitas vezes, o oponente alega ser o verdadeiro proprietário ou possuidor do bem objeto da disputa inicial entre autor e réu;
  • Direitos Sobre Imóveis: Oposições são comuns em casos que envolvem disputas sobre imóveis, seja por usucapião, desapropriação ou qualquer outro meio que possa alterar a posse ou a propriedade;
  • Contratos e Obrigações: O terceiro pode alegar que possui algum direito contratual que está sendo negligenciado na ação original, como direitos decorrentes de contratos de compra e venda, locação, etc;
  • Direitos Trabalhistas: Embora mais raro, pode ocorrer em casos onde um terceiro reivindica algum direito trabalhista que possa ser afetado pelo desfecho da ação original;
  • Direitos de Família: Ações de oposição podem ocorrer em disputas de herança, divórcio ou qualquer outro caso que envolva direitos de família e que possa afetar terceiros não inclusos na ação original;
  • Indenizações e Resarcimentos: O oponente pode alegar ter direito a alguma indenização ou ressarcimento que esteja sendo discutido na ação principal.
Foto de Carlos Stoever

Carlos Stoever

(Advogado Especialista em Direito Público)

Advogado. Especialista em Direito Público pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, e MBA em Gestão de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas. Consultor de Empresas formado pela Fundação Getúlio Vargas. Palestrante na área de Licitações e Contratos Administrativos, em cursos abertos e in company. Consultor em Processos Licitatórios e na Gestão de Contratos Públicos.

@calos-stoever

Compartilhe:

Ação de Oposição

como fazer uma ação de oposição

Embargos de Terceiro

procedimento da ação de oposição

temas comuns na ação de oposição

Fluxogramas Recomendados